click here for english version
Procurar

Fórum
Usuário

Senha





A reprodução, total ou parcial, das informações contidas nessa página é permitida sempre e quando for citada a fonte.

 

O diagrama acima ilustra as interações entre os pesquisadores de nosso INCT desde o início do projeto. As linhas conectando os nomes indicam co-autorias de trabalhos científicos em diversas áreas da Oncologia. A espessura das linhas é relativa ao número de publicações entre co-autores.

 

***

 

O INCT para Controle do Câncer está inserido internacionalmente com dois tipos de ações: fazendo parte de grupos cooperativos internacionais e através de colaborações individuais com grupos em centros de grande projeção científica. Além disso, possui participação importante em organismos internacionais como WHO e IARC.

Entre os projetos de Cooperação internacional podemos citar: Childhood Leukemia International Consortium (CLIC), International Consortium of Head and Neck Cancer Research (INHANCE), CONCORD (Estudos internacionais de sobrevida de câncer), Estudo Colaborativo Latino Americano de Malformações Congênitas (ECLAMC), Perfil Molecular das Mulheres com Câncer de Mama da América Latina (NCI/MS).

Entre as colaborações com grupos individuais podemos citar as seguintes instituições:

(EUA)
Harvard Medical School (diferentes departamentos).
Mayo Clinic.
MD Anderson Cancer Center.
National Cancer Institute, National Institutes of Health (NIH).
National Institute of Allergy and Infectious Diseases, National Institutes of Health (NIH).
HIV Drug Resistance Program, National Institutes of Health (NIH).
Laboratory Systems Biology, National Institutes of Health (NIH).
Laboratory of Cell Structure and Dinamics, National Institutes of Health (NIH).
Indianana University.
University of Cincinnati.
Case Western Reserve University.
Lee Moffitt Cancer Center and Research Institute.
University of Minesotta.
University of Arizona.
University of Alabama at Birmingham.
Utah University.

(Alemanha)
Charite Universitatsmedizin, Berlin.
Institute of Human Genetics, Jena.
Brandenburg University of Technology.
JW Gothe University Biocenter, Frankfurt.
Institute for Pathology, Unfallkrankenhaus, Berlin.
University of Tubingen.

(França)
International Agency for Research on Cancer (IARC) (várias unidades)
Faculte de Pharmacie, Universite Paris-Diderot- Paris5.
Universite Caen.
IEM Universite Orleans.

(Grã-Bretanha)
London School of Public Health.
Kay Kendall Leukaemia Fund.
Institute of Head and Neck Studies and Education (INHANSE), Coventry.

(Espanha)
Universitat Pompeu Fabra, Barcelona.
Universidade de Granada.
Universidade de Murcia.

(Portugal)
Instituto de Higiene e Medicina Tropical, Lisboa.
Institute of Molecular Pathology and Immunology of the University of Porto (IPATIMUP).

(Bélgica)
Universite de Liege.

(Hungria)
Debrecen University.

(Argentina)
Hospital de Niños Ricardo Gutierrez

 

A inserção internacional dos membros do INCT propicia não somente colaborações de experiências, mas também o intercâmbio de jovens estudantes que vivenciam a pesquisa realizada em grandes centros. Essa inserção decorre do reconhecimento da capacidade de nossos pesquisadores pelos colegas no exterior na produção de conhecimento.

 

ACORDOS DE COOPERAÇÃO INTERNACIONAL

  • Colaboração com o NCI/NIH/USA
    Vários pesquisadores do INCT colaboram com o NCI, especificamente com o Global Health Office, através da Rede USLACRN (Rede Estados Unidos-América Latina para Pesquisa em Câncer), que congrega pesquisadores do Brasil, Argentina, Chile, México e Uruguai para estabelecer o perfil molecular de câncer de mama localmente avançado. O Brasil congrega as seguintes instituições: INCA, Hospital de Barretos, Hospital A.C.Camargo e ICESP. Nessa interação há membros do nosso INCT e do INCT de oncogenômica. Esse projeto é financiado pelo NCI.

     
  • Colaboração com a Agência Internacional para pesquisa em Câncer – IARC
    Esse é o braço oncológico da OMS para pesquisa em câncer, situado em Lyon, França. O INCA, instituição-sede do INCT, está firmando uma colaboração com pesquisadores do IARC, que envolve pesquisadores do nosso INCT e do INCT de oncogenômica, cujo projeto inicial é estabelecer fatores de risco e biomarcadores para diagnóstico e prognóstico de câncer de cabeça e pescoço.

@ copyright 2011 | Este site é melhor visualizado em 1024 x 768